Claudionei Abreu – 17 anos de idade e um futuro político gonçalense

Tudo começou ainda criança quando Claudionei decidiu criar uma página de memes no Facebook. Meses depois, começou a ler jornais assistir as entrevistas dos candidatos a presidência em 2014 e resolveu criar uma nova página chamada ''A Política RJ''. O conteúdo era voltado para noticiar a política gonçalense. ''Queria criar a página sobre a minha … Continue lendo Claudionei Abreu – 17 anos de idade e um futuro político gonçalense

Erick Bernardes – Escritor, pesquisador e crítico literário

Erick é criado no Engenho Pequeno e nos últimos 26 anos mora no bairro Lindo Parque, é escritor e está prestes a completar 41 anos. Há seis anos ele escreve críticas literárias e há três, ficções. Em sua obra recém lançada chamada "Panapaná", fala sobre pontos conhecidos do município como a fábrica de máscaras da Covanca, … Continue lendo Erick Bernardes – Escritor, pesquisador e crítico literário

Flávia Perrú – Paixão, educação e família da dança

Flávia Perrú é uma gonçalense criada no Porto da Pedra. Iniciou no ballet aos 3 anos e nunca mais parou. Também é apaixonada pela educação e buscando se qualificar desde o início de sua formação, se graduou em Letras pela UERJ e em Dança pela UFRJ. Em 1999, Flávia fundou a ONG Projeto Quem Dança Faz Arte … Continue lendo Flávia Perrú – Paixão, educação e família da dança

Ivan de Oliveira – ator, professor e apaixonante

Ivan não é gonçalense. Nasceu em Jacarepaguá e veio morar em São Gonçalo com 14 anos por conta do trabalho do pai. E aqui mesmo, em São Gonçalo, descobriu seu amor pelo teatro. Ele estudou no Frederico Avezedo e foi lá que começou essa linda história de amor com os palcos. Uma professora de educação … Continue lendo Ivan de Oliveira – ator, professor e apaixonante

Ferrovias Gonçalenses como alternativa para o escoamento industrial.

A malha ferroviária de São Gonçalo foi fundamental para o desenvolvimento urbano, industrial e econômico da nossa cidade. Deixo um registro da história dela abaixo: O que mais tarde foi chamada "linha do litoral" foi construída por diversas companhias, em épocas diferentes, empresas que acabaram sendo incorporadas pela Leopoldina até a primeira década do século … Continue lendo Ferrovias Gonçalenses como alternativa para o escoamento industrial.

Priscila Rebeca e o uso do funk como transformação social

Priscila nasceu em Niterói e voltou pra casa em São Gonçalo. Ela está na produção cultural há quase 20 anos. E durante essas duas décadas tem produzido festivais, bailes e "A Casa do Funk" que é uma das referências no campo da música no Estado do Rio de Janeiro. A Casa do Funk é o … Continue lendo Priscila Rebeca e o uso do funk como transformação social

Santa Isabel e suas vocações para agricultura.

Conheci Santa Isabel quando tinha 17 anos. Fui visitar um amigo e imediatamente me surpreendi com uma região da cidade que tinha uma característica totalmente diferente dos espaços que eu estava acostumado. No imaginário popular, Santa Isabel, Monjolos, Largo da Ideia e todos os bairros daquela região são um “fim do mundo” para se morar, … Continue lendo Santa Isabel e suas vocações para agricultura.

Marcos Moura e a jornada do herói no campo da cultura

Marcos Moura nasceu em Itaúna, em São Gonçalo, mas aos 4 anos de idade foi morar no Apollo II, em Itaboraí. Ele é criador da Ponte  cultural, uma iniciativa que é símbolo de resistência. O projeto não possui fins lucrativos e surgiu em julho de 2016, com o propósito de transformação social por meio de … Continue lendo Marcos Moura e a jornada do herói no campo da cultura

A cidade do Rio tem dois prefeitos e o resto do Estado não tem Governador.

Pezão é o retrato da repugnância da política. Foi Secretário de Rosinha, de Garotinho e de Sérgio Cabral. Hoje, como governador, consegue juntar ações atrapalhadas com uma gestão que foi jogada de um helicóptero sem para quedas, além de uma série de denúncias que ao perder o foro privilegiado no dia 31 de Dezembro o … Continue lendo A cidade do Rio tem dois prefeitos e o resto do Estado não tem Governador.

Angélica Maria, a conciliadora da Cultura.

Angélica não nasceu São Gonçalo. Ela nasceu em Queimados, se profissionalizou como bailarina em Nova Iguaçu, mas na década de 90 foi abraçada pelo nosso país, São Gonçalo. A partir daí, começou seu trabalho com dança na cidade. Bem no início da década 90 ela começou a dar aulas na Academia Elô Reis e três … Continue lendo Angélica Maria, a conciliadora da Cultura.