Escritor gonçalense lança livro com crônicas sobre a cidade

Quando é para falar de artistas, São Gonçalo sai na frente. A cidade que é berço de grandes nomes nas diversas formas de artes ganha mais um presente para os amantes da literatura.

O escritor Erick Bernardes, de 42 anos, lança seu segundo livro dia 27 de setembro às 18h no Shopping Partage. Seguindo a característica do autor, “Cambada – crônicas de papa-goiabas” conta história de São Gonçalo com o objetivo de levar informação e cultura para o leitor. 

Com cerca de 40 crônicas reunidas na obra, Erick garante que as escritas trazem conhecimento e curiosidades de uma forma agradável e divertida sobre a cidade. 

“Cada crônica é um bairro ou um sub-bairro de São Gonçalo. Quando comecei a escrever para o jornal percebi logo que daria um livro. Falo sobre histórias e causas desses lugares. As histórias são orais, contadas pelos próprios moradores, já que, as maiorias não estão registradas. Converso com as pessoas e ouço o que elas têm a dizer, às vezes é meio duvidoso porque um bairro tem duas ou três versões, mas eu gosto de colocar isso dentro do texto pra confrontar uma com a outra ou até pro leitor decidir qual é a versão que ele prefere”, contou.

Ressignificando estereótipos

Ao ser questionado sobre o símbolo do livro, um caranquejo, Erick explicou que já pensava em trabalhar com algo sobre os mangues da cidade. Inclusive, uma das primeiras crônicas da obra é sobre a Ilha de Itaoca, no Salgueiro. No entanto, uma brincadeira de alguns colegas o fizeram reforçar essa vontade e ressignificar o que tinha escutado. 

O escritor contou que ao entrar numa sala com diversos amigos artistas, um o reconheceu e disse que ele era de São Gonçalo, afirmando que gonçalense ‘vive num buraco com vergonha do lugar’. Erick logo associou aos mangues da cidade e confirmou ‘sim, tem tudo a ver, temos muitos mangues lá. E quem vive no buraco de mangue ou é tatu ou caranguejo’. O colega continuou: ‘Então, é a cara do gonçalense, anda para trás’. 

Prontamente, Erick respondeu: ‘Você está enganado, meu querido, Caranguejo não anda pra trás não, isso é só pra se defender. Caranguejo anda de lado para enxergar o problema de frente e sobe em árvore ainda, atinge o topo. Gonçalense nasceu para atingir o topo’, relembrou o escritor. O episódio transformou o animal não só no símbolo do livro, como inspirou o nome ‘Cambada’ que é coletivo de caranguejo. 


Atualmente morador do Lindo Parque, mas criado no Engenho Pequeno, ambos em São Gonçalo, Erick conta sobre seus projetos e como decidiu publicar seus contos e crônicas.

“Eu sempre escrevi, desde garoto. Sempre tive vontade de lançar livro e depois de uma certa idade senti que era o momento e eu já tinha muito texto guardado, foi quando eu decidi lançar. Deu certo. O primeiro livro vendeu bastante e foi quando eu passei a escrever minhas crônicas para os jornais”, contou. 

Após o lançamento de “Cambada- crônicas de papa-goiabas”, a obra estará disponível para venda na livraria Ler é Arte, localizada na Rua Coronel Moreira César, 97 e no Bistrô D’avó que fica dentro do Rodo Shopping, Centro.

O evento acontecerá na sala Mais Conhecimento nº 238, o Shopping Partage fica localizado na Avenida Presidente Kennedy, 425 – Centro.  Para mais informações: 98271-9114

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Saiba como seus dados em comentários são processados.